México: defendemos a floresta tropical

Onça-pintada na floresta tropical A onça-pintada é o símbolo da floresta tropical em Los Chimalapas (foto: Mat Hayward) (© Mat Hayward / Fotolia)

Lenhadores e criadores invadem uma das últimas áreas de floresta tropical no México, com a cumplicidade dos políticos. Na floresta de Chimalapas vivem muitas espécies ameaçadas. Ela é também a terra natal dos indígenas zoques, que têm conservado e defendido a natureza e a biodiversidade até hoje. Por favor, assinem a petição ao governo

Apelo

Para: Enrique Peña Nieto, presidente do México; Gabino Cué Monteagudo, governador do Estado de Oaxaca

Ajudem a salvar o paraíso florestal de Los Chimalapas no México de lenhadores e criadores

Abrir a petição

A área florestal Los Chimalapas apresenta a maior biodiversidade no México: no mínimo 146 espécies de mamíferos, 140 diferentes répteis e anfíbios, 316 aves e 900 espécies de borboletas foram determinadas ali.
A mata virgem no Sudeste do México também é a terra ancestral e o terreno reconhecido dos indígenas zoques. Com o seu estilo de vida tradicional e compatível com o meio ambiente, eles têm conservado a natureza intata até hoje. Mas agora têm que defender a área de 600 mil hectares no Estado de Oaxaca contra intrusos.

Desde o Leste, do Estado vizinho de Chiapas, cada vez mais lenhadores e criadores invadem Los Chimalapas. O governo de Chiapas apóia o roubo de terras, enquanto os governos nacional e de Oaxaca assistem, em grande parte, como espectadores passivos.

As conseqüências para a natureza, a biodiversidade e os indígenas zoques são fatais. Uma das últimas áreas de floresta tropical corre o risco de ser destruída. Agora os zoques bloquearam as estradas: “A Mãe Terra não deve ser pilhada! Os habitantes de Chimalapas estão na luta pela sobrevivência!“, está escrito nos cartazes.

No primeiro dia de Abril começará um diálogo sob a liderança do governador de Oaxaca para resolver o conflito. Os zoques querem remover os bloqueios, que têm interrompido a conexão de Oaxaca a Chiapas e Veracruz.

Mas ainda não é seguro que os políticos tomem o problema a sério. Por isso, os zoques e defensores do meio ambiente no México pedem ajuda internacional. Quando os políticos sentirem que também no estrangeiro o desmatamento é visto com preocupação e medidas urgentes contra a destruição da floresta são exigidas, as possibilidades para salvar a região aumentam. Por favor, assinem a petição ao lado.

Carta

Para: Enrique Peña Nieto, presidente do México; Gabino Cué Monteagudo, governador do Estado de Oaxaca

Prezado Senhor Presidente Peña Nieto, prezado Senhor Governador Cué Monteagudo,

como será certamente do vosso conhecimento, a região Los Chimalapas em Oaxaca é a área com maior biodiversidade no México e na América Central. Graças à cosmovisão, ao estilo de vida e à mobilização repetida do povo Zoque, os habitantes ancestrais do território, dea área floresta tropical de 600 mil hectares pôde ser conservado até hoje.

Porém, a parte oriental de Los Chimalapas está sendo ocupada por lenhadores e criadores do Estado vizinho de Chiapas. Mais de 160 mil hectares de mata virgem já foram pilhados por iniciativa e com o encobrimento por parte do governo de Chiapas.

Também sabemos que, desde então, as comunidades em Los Chimalapas têm travado uma luta histórica, pacífica e corajosa para a defesa do território deles e das riquezas naturais inestimáveis. Os ativistas têm-se mobilizado repetidamente para impedir as invasões.

Como chefes do governo do México e de Oaxaca, está nas vossas mãos de actuar de forma eficaz e imediata afim de fazer parar estas invasões de terra e esta pilhagem da natureza. Façam valer os direitos coletivos dos zoques e evitem um clima de violência social na área.

Com os melhores cumprimentos,

Esta petição está disponível, ainda, nas seguintes línguas:

Por favor assine

Ajude-nos a atingir 200.000:

158.980
Atividades recentes