Voltar ao sumário

Ajuda para ambientalistas em Bornéu

Um orangotango numa árvore na floresta tropical Orangotangos – também se trata do espaço vital deles

“A destruição da floresta tropical para plantações de dendezeiros abala nosso país. Os homens já não podem alimentar-se; espécies ameaçadas como os orangotangos extinguem-se. Juntos, temos que acabar com as manobras ilegais das empresas a todos os níveis.” Nordin de Save Our Borneo pede o nosso apoio para o “plano de ação para uma vida melhor”.

Acabar com as manobras ilegais da indústria de óleo de palma

Nordin, o chefe e fundador de nossa organização parceira Save Our Borneo (SOB) tem sofrido muita dor por causa da destruição das florestas tropicais em sua província de origem Kalimantan Central em Bornéu – também na própria família dele. Seu filho Mirza nasceu quando, durante meses, incêndios florestais ensombravam o céu em Kalimantan Central e faziam com que, para os habitantes, o ato de respirar tornou-se uma tortura. Várias vezes, Mirza teve que ir ao hospital por causa de crônicas dificuldades respiratórias. A queima de florestas está proibida na Indonésia, mas sempre de novo iniciam-se fogos a fim de gerar espaço para novas plantações de óleo de palma.

Para acabar com as manobras das empresas sem escrúpulos de produção de óleo de palma, SOB atua a todos os níveis:

  1. Oficinas com as famílias camponesas afetadas, nas quais também são apresentadas as possibilidadesde opor-se e se constroem mapas

  2. Treinamento em gestão florestal e direito de terra

  3. Pesquisa e recolha dos dados sobre as atividades das empresas de produção de óleo de palma incluindo as filiais delas

  4. Oficinas sobre corrupção

  5. Publicidade sobre as violações de direitos por empresas de óleo de palma e o envolvimento político (campanha multimédia no TV, na radio, Internet, brochuras etc.)

  6. Diálogo em público entre todos os participantes: políticos, científicos, jornalistas, defensores do ambiente e as vítimas da indústria de óleo de palma são reunidos.

“Plano de ação para uma vida melhor” - assim é chamada a ofensiva ampla contra empresas de óleo de palma que atuam de modo ilegal.

Salve a Selva quer apoiar esse plano de ação a longo prazo. O dinheiro é bem investido, dado que já no passado, SOB teve sucesso em estragar os planos da máfia de óleo de palma.

Êxitos de Save Our Borneo (SOB)

  • Em 2011, a campanha de SOB protegeu 141 mil hectares de floresta tropical do abate pelo conglomerado Wilmar. Com denúncias contra o roubo de terra e violações de direitos humanos e através de uma campanha publicitária, os ativistas evitaram que Wilmar pudera receber a tempo todas as autorizações necessárias para as plantações planejadas.

  • Em Junho de 2011, a polícia provincial de Kalimantan Central lançou investigações contra dez empresas de produção de óleo de palma. Entre elas estão grandes empresas como Wilmar, Agro Hope Group ou Best Agro Group. As infrações incluem o abate ilegal, a queima de florestas e conflitos com as comunidades adjacentes. SOB tinha recolhido os dados e denunciado os grupos de empresas.

  • Em uma decisão sensacional o tribunal constitucional da Indonésia levantou, em 19 de Setembro de 2011, dois artigos da assim chamada lei de plantações do ano 2004. Isto significa: várias empresas de óleo de palma têm violado a constituição ao expulsar indígenas e agricultores das plantações e prendê-los – porque estes não estavam dispostos a aceitar o roubo de sua terra e a destruição de seu espaço vital. Conforme esta sentença, milhares de hectares de plantações de dendezeiros que foram estabelecidos nos últimos sete anos não estão de acordo com a lei indonésia. A sentença é o êxito de numerosas ONGs, também de SOB. Vários casos de detenções e violações de direitos humanos são reabertos agora.

  • Depois de dez anos de pesquisa intensa as organizações SOB e ICW (Indonesia Corruption Watch) apresentaram em 26 de Setembro de 2011 seu relatório preocupante à Comissão Anti-Corrupção estatal KPK: governos municipais nas províncias de Kalimantan Central e Ocidental concederam autorizações ilegais a várias empresas para enriquecer-se. Desde então, o Procurador-Geral está investigando.

  • Sobre tudo é um êxito que, através das pesquisas intensas e impávidas e a publicidade de SOB, o público seja informado cada vez mais sobre as atuações ilegais da política e da economia. Há tempo, a corrupção e as infrações já não acontecem de modo escondido. E cada vez mais casos são denunciados.

Por favor, ajudem Nordin e Save Our Borneo a proteger as florestas tropicais.

Fatos sobre a sua doação

Utilidade pública A Salve a Selva é oficialmente reconhecida como de utilidade pública

Dados seguros Os seus dados são transmitidos de forma codificada.

A sua doação para a floresta tropical

€ ,00

Você também pode digitar quanto deseja doar!

Atividades recentes